CFL @ 00:02

Seg, 23/04/07

Vejo o tempo a passar e tenho medo. Pareço ter uma doença mortal que me consome de dia para dia. Simplesmente porque tenho medo de errar. O que tanto ansiei aproxima-se a passos largos e o medo de falhar é grande demais. Vejo o meu objectivo tão próximo agora, que me parece ainda mais distante. Uma palavra errada bastará para falhar.

 

A franja cortada à pressão incomoda-me e o tom de pele corado pelo sol transmite uma mensagem que não quero mostrar. O medo quase sufoca. Estou nesta encruzilhada e o passo em frente que inevitavelmente darei poderá conduzir ao paraíso ou ao abismo sem fim. É como atravessar um rio. As minhas hipóteses resumem-se a chegar à outra margem e continuar o caminho ou deixar-me perder na corrente.

 

Não sei como chegar à outra margem.

 

Só posso deixar-me levar e esperar chegar a bom porto.

 

 



Abril 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
18
19
20
21

22
24
25
26
27
28

29
30


Portugueses aqui
online
Portugueses desde 28Set2008
free hit counter
hit counter
Arquivo de Ideias
Procurar ideias
 
Portugueses que me recomendam
Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!
blogs SAPO