CFL @ 17:31

Seg, 11/12/06

O Sr. António foi operado aos rins e por isso esteve de baixa durante 2 meses. Ao voltar ao seu local de trabalho – quer por acaso é um órgão do Estado – deparou-se com duas situações tão surreais mas igualmente tão habituais que já devia estar habituado. Mas como o Sr. António foi operado aos rins e a memória é curta, já não se lembrava.
 
Situação surreal n.º 1:
O Sr. António, que até é chefe, telefona para os serviços centrais daquele Ministério para onde trabalha, para pedir uma nova password para um funcionário.
- Estou?! Eu queria pedir uma password para…
- Ah, isso não é comigo! Vou passar ao colega! - Trim Trim Trim Trim, chama o telefone sem resposta durante dez minutos. Eis senão quando a chamada volta à primeira senhora:
- Ó colega! O meu colega ainda não atendeu?!
- Não!
- Ah, é que ele hoje não ‘tá p’a atender os telefones! É melhor ligar amanhã!
- Amanhã? Mas…
- Só se eu lhe der número directo!
E o Sr. António tenta o número directo… - Trim Trim Trim Trim… Duas horas depois, continua o número directo… Trim Trim Trim Trim
 
Situação surreal n.º 2:
O Sr. António liga para o Centro de Cultura e Desporto daquele Ministério para saber pormenores sofre a festa de Natal.
- Estou? É do Centro de Cultura e Desporto?
- Não! É do CCD!
- Ah, é que eu queria saber como é a festa de Natal…
- Ah, isso não é comigo! Pii, pii, pii, pii
 
 


Lina @ 22:32

Qua, 13/12/06

 

Função pública no seu melhor!!!

kaos @ 11:59

Qua, 20/12/06

 

Sem surrealismos vim desejar um Bom Natal
abraço

Dezembro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
26
27
28
29

31


Arquivo de Ideias
Procurar ideias
 
blogs SAPO