CFL @ 23:54

Qua, 16/03/05

Detesto blogs. São irritantes perdas de espaço onde quem pensa que sabe escrever procura por todos os meios fazer vingar a sua literatura floreada, tentando passar a sua mensagem, qual comentador político de um qualquer programa desinformativo da nossa praça. E todos os blogs são eruditos, todos os escritores bloguistas sabem do que falam. Eu também não sei do que falo. E por isso mesmo, em jeito de inauguração de mais um blog convencido de que a sua filosofia é a verdadeira filosofia e não mera adulação, fica o final da MENSAGEM de Fernando Pessoa, talvez o texto que melhor traduz o espírito que este blog terá. Obrigada.

NEVOEIRO

Nem rei nem lei, nem paz nem guerra,
Define com perfil e ser
Este fulgor baço da terra
Que é Portugal a entristecer -
Brilho sem luz e sem arder,
Como o que o fogo-fátuo encerra.

Ninguém sabe que coisa quer.
Ninguém conhece que alma tem,
Nem o que é mal nem o que é bem.
(Que ânsia distante perto chora?)
Tudo é incerto e derradeiro.
Tudo é disperso, nada é inteiro.
Ó Portugal, hoje és nevoeiro... (...)



Anónimo @ 21:49

Sex, 18/03/05

 

Olha que para quem não gosta de blogs, até começaste de uma forma bastante original. =) Deixaste-me curiosa acerca disto. Mas é um bom começo para algo que não devia ter começado =P ***Vera
(http://justangel.blogdrive.com)
(mailto:)

Março 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
18

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


Arquivo de Ideias
Procurar ideias
 
blogs SAPO